all we need is love

Dicas de restaurantes românticos em São Paulo para você curtir o Dia dos Namorados

por Malu Porto - 6 de junho de 2010
Muitos dizem que o Dia dos Namorados no Brasil é uma data meramente comercial, pois, ao redor do mundo, as juras de amor, flores e bombons são trocadas em 14 de fevereiro, no Dia de São Valentim. Por aqui, a comemoração acontece na véspera do Dia de Santo Antônio (13 de junho), o casamenteiro, e por uma questão que, sim, resume-se ao aquecimento do mercado.

Se pensarmos por esse prisma, temos um verdadeiro atentado ao romance. No entanto, como tudo na vida, a mesma moeda pode cair para os dois lados e, aproveitar uma data fixa para celebrar junto a pessoa amada pode ser uma ótima oportunidade de deixar a rotina de lado. Então, em vez de sentir-se aprisionado pela obrigação, que tal usufruir da ocasião e programar uma bela noite?  

LEIA MAIS: Se apaixone pelos restaurantes mais românticos do Rio

Ambiente sofisticado, comida francesa, sem restrição no orçamentoCHEF ROUGE
O ambiente é sofisticado, boêmio, predominantemente vermelho, como anuncia seu nome. A gastronomia é tipicamente francesa e a recomendação é apostar em pratos clássicos como Steak Tartare, Moulles et Frites (mexilhões com batatas-fritas), Boeuf Bourguignon ou mesmo a tradicional sopa de cebola gratinada, que segue a famosa receita do restaurante parisiense Au Pied de Cochon. De entrada, para os que estão sem restrição de cifras, que tal umas trouxinhas crocantes de foie gras com molho de vinho do Porto? Para bebericar, o cardápio de pratos harmoniza com champagnes Möet Chandon. De sobremesa, aposte no leve crème brûlée. 

Rua Bela Cintra 2238 - Jardins. Tel: (11) 3081-7539

Alucci Alucci é uma excelente pedida para os que gostam de baladarALUCCI ALUCCI
Lindamente decorado, aconchegante e badalado. Para os casais que querem ir além do "olho no olho". A música é dançante, animada e o menu inventivo, excitante. É interessante ficar nas porções de entrada em vez de jantar formalmente, pois a casa está mais para um clima de bar. As tapas de raviole são leves, crocantes e deliciosas, vêm montadas de maneira a serem degustadas com hashis. O Beef Thai servido na concha de alface também é saborosíssimo, assim como os rolinhos de queijo de cabra acompanhados de geleia de pimenta. Para beber, os drinques são bem recomendados, no entanto, um espumente rosé cai bem com a data e a leveza das "tapas".

Rua Vitório Fasano 35 - Jardins. Tel: (11) 3086-1252

O kistch descolado do Lola BistrotLOLA BISTROT
A casa da rua Purpurina é um encanto. De decoração que mistura o kitsch e o intimista, o pequeno ambiente tem seu charme nas belas lamparinas coloridas, papel de parede estampado e mobiliário antigo. O clima é romântico e descolado. O raviole de lagostim e alho porró ao molho bisque é surpreendente. Para quem não dispensa uma entrada a Trilogia de Foie Gras e o Civet de coelho com damasco sobre tostas são bom começo. A casa também é um Bar à Vin e oferece uma vasta carta de vinhos. As taças individuais são bem servidas e podem muito bem acompanhar a refeição. Para adoçar a noite dos apaixonados, trouxinha de banana da terra, com castanha do Pará e calda de chocolate.

Rua Purpurina 38 - Vila Madalena. Tel: (11) 3812-3009

Gostou? Siga o Colherada no Twitter!
Últimos comentários

Nenhum comentário para exibir, seja o primeiro a escrever um!

Faça o seu comentário

Top 5 as mais clicadas

Vídeo

Publicidade
Colherada no Twitter
Ressaltamos que nenhum estabelecimento foi incluido neste guia por ter feito publicidade em qualquer publicação nossa e que nenhum tipo de pagamento influenciou as resenhas. As opiniôes publicadas neste site são dos escritores do Colherada Cultural e são totalmente independentes